Sua empresa conectada com o mundo



Imagem do post 4 dicas de como turbinar o seu e-commerce com inbound marketing
bar

4 dicas de como turbinar o seu e-commerce com inbound marketing

O crescimento dos e-commerces (lojas virtuais) é notável nos últimos anos, principalmente devido a possibilidade de empreender no universo digital com mais facilidade. Para ter sucesso nesse meio, pensar em estratégias de marketing digital como o inbound marketing é fundamental, melhorando o processo de divulgação de produtos e serviços.

metric

Contudo, antes de pensar no marketing digital e como implementar a estratégia, os empreendedores precisam entender o que é e-commerce e todos os detalhes sobre esse modelo de negócio. Afinal, quanto mais informações sobre o tema, maiores serão as oportunidades de sucesso.

O QUE É E-COMMERCE?

E-commerce, em português, comércio eletrônico, consiste em um processo e em páginas de vendas pela internet, que podem ser feitas por empresas de pequeno, médio e grande porte.
O processo de venda acontece por meio de uma plataforma virtual, podendo ser em um site ou loja próprios, ou ainda em plataformas integradas e especializadas na disponibilização de lojas virtuais.
O conceito de e-commerce vai além do desenvolvimento de um site. Trata-se de um empreendimento que tem uma estrutura diferenciada, neste caso totalmente relacionada à venda no digital, precisando ser otimizada para despertar o interesse no produto.
O atendimento ao cliente e o processo de vendas são dois pilares básicos para o sucesso de uma loja virtual, podendo ser totalmente realizados por meio do ambiente digital. Com este trabalho, é possível ter espaço para outros tipos de automações, facilitando ainda mais a dinâmica de venda e trazendo novas oportunidades por meio de um melhor gerenciamento digital do estoque, marketing e controle financeiro.
Essas possibilidades de automação podem ser incorporadas em e-commerces de diversos segmentos, desde um site para comprar reagentes químicos até grandes empresas varejistas.
Deste modo, os empreendedores têm mais agilidade e facilidade no gerenciamento em várias frentes, mas é necessário ter atenção às questões logísticas.

TENDÊNCIAS PARA O E-COMMERCE NO BRASIL

O crescimento de lojas virtuais é propício para que novos empreendedores possam fazer parte deste cenário de empreendimento e desenvolvimento.
Isto posto, empreendedores e gestores podem se atentar às novas tendências para o e-commerce brasileiro, de modo a se destacar e inovar nos negócios, alcançando públicos cada vez mais segmentados para se posicionar no mercado como uma referência.
Nesse sentido, as principais tendências para se posicionar e alcançar o sucesso são:

  • Uso das redes sociais como uma plataforma de interação;
  • Sites e mídias aliadas ao e-commerce como canais de contato e suporte;
  • Investimento em logística, otimizando processos;
  • Integração entre estoques físicos e digitais;
  • Uso de estratégias para melhorar a experiência do consumidor;
  • Otimização e automatização de processos para agregar agilidade e praticidade.

VANTAGENS DO E-COMMERCE

Cada vez mais os consumidores optam por comprar em lojas online ao invés dos espaços físicos, e isso ocorre porque existem vantagens interessantes, principalmente voltadas à praticidade, que o e-commerce oferece aos consumidores e aos empreendedores.
Para se ter uma ideia, figuram entre os principais benefícios:

  • Preços acessíveis;
  • Ofertas diferenciadas;
  • Possibilidade de comparação de preços e compras integradas a outras lojas;
  • Possibilidade de comprar a qualquer hora e em qualquer local;
  • Experiências personalizadas e ágeis.

Já para os empreendedores é possível ressaltar o alto potencial de vendas e de relacionamento com os leads e clientes, bem como a redução de custos com infraestruturas, aluguéis e até com equipes.
Com estas vantagens, os empreendedores que têm interesse de ter um site de instalação de ar condicionado em jundiaí, por exemplo, podem investir capital e assim realizar excelentes vendas para os clientes, tendo um acesso mais facilitado a esse universo.

MARKETING DIGITAL NO E-COMMERCE

Os empreendedores que tem uma loja online tem como objetivo vender mais, conquistar mais clientes e se consolidar no mercado.
Uma maneira de ter estes e outros ganhos é investindo no marketing digital para o e-commerce.
A internet se tornou uma grande ferramenta de influência na jornada de compra dos clientes e, por isso, investir em estratégias de marketing para divulgar os produtos e serviços é algo que pode ajudar positivamente nas vendas e reforço da marca.
Isto posto, seguir algumas dicas práticas são formas de ter ganhos positivos para o e-commerce. São elas:

1- Aposte no marketing de conteúdo para conquistar leads

O marketing de conteúdo é um grande aliado das ações de marketing digital para o e-commerce.
É possível utilizá-lo para a descrição dos produtos e na criação de conteúdos informativos, bem como em estratégias de SEO (Search Engine Optimization) on e off page.
Com isso, é possível melhorar o posicionamento em sites de busca como o Google, que realiza uma análise detalhada para apresentar os sites que assumem as primeiras posições, o que ocorre conforme a pesquisa dos usuários e considerando palavras-chave, hábitos de navegação e potencial do site como resposta a essa busca.
Por isso, pensar nas palavras de modo estratégico é o modo de aumentar o tráfego do site.
Outra possibilidade de uso do marketing de conteúdo é na elaboração de conteúdos conforme o interesse dos leads.
Os conteúdos podem ser desenvolvidos em diferentes formatos, desde artigos até vídeos e dicas que evidenciam soluções para as dúvidas dos clientes e os potenciais dos produtos, conforme o estágio da jornada do cliente, agregando relevância e autoridade à marca, destacando como uma opção para solucionar esses problemas.
Um blog, por exemplo, é uma ótima ferramenta de atração, sendo possível criar postagens falando sobre a área de atuação, como os benefícios da automação residencial de forma mais ilustrativa, no caso de uma empresa que atua nessa área.
Após o desenvolvimento de conteúdos e direcionamento desses usuários na jornada de compra, o desafio é transformar os visitantes em clientes - ou mesmo nutrir e converter o lead de forma mais atrativa e segmentada.
Para isso, utilizar formulários e landing pages são opções para conseguir gerar interesse no público alvo, como por exemplo, leads que buscam serviço de chaveiro 24 horas em Sorocaba, com o uso desses formulários a empresa consegue colher dados dos usuários, o que possibilita contatos mais direcionados e eficazes.

2- Mostre ao público que o site é de confiança

As vendas online estão crescendo, mas há pessoas que ainda não se sentem seguras ao fazer compras pela internet, principalmente com cartão de crédito.
Deste modo, é importante pensar nos detalhes que ajudam a transmitir confiabilidade.
Pensar em um layout simples e amigável, que ofereça o máximo de instruções sobre como realizar uma compra segura é fundamental.
Além disso, é necessário contar com protocolos de segurança durante as transações financeiras e certificados de segurança oferecidos pelas próprias plataformas, sendo um detalhe que faz a diferença ao demonstrar que o site é seguro.

3- Utilize o e-mail marketing para se relacionar com os leads

Considerada uma das melhores ferramentas para o marketing digital em e-commerce, o e-mail marketing ainda é um dos principais canais de relacionamento no meio online.
Um bom relacionamento com a base de clientes aumenta a proximidade, no caso é viável ter alguém responsável pelo Custumer Success dessa carteira, com ele e com o E-mail marketing, é possível fazer com que eles se lembrem do seu negócio de material filtrante, por exemplo, ou demais produtos e serviços de diversos segmentos empresariais.
No e-commerce, as ações de funil de vendas são centralizadas no e-mail marketing. Isto posto, é importante ter cuidado para não ser invasivo ao enviar os e-mails, trazendo diferentes estratégias de informativos, mas também é necessário ter regularidade para criar uma rotina de contato e manter o interesse e a relação com a base de contatos.
Ter uma comunicação com os clientes, focada nos interesses, permite aumentar as oportunidades de conversão.

INBOUND MARKETING NO E-COMMERCE

Nos últimos anos, os hábitos de compra e consumo mudaram e isso é um fator-chave nas decisões diárias.
A mudança permite que os consumidores pesquisem mais informações sobre produtos e serviços para comparar marcas, preços e avaliações, o que faz com que as relações de confiança e de longo prazo sejam cruciais na manutenção da base de clientes e na atração de novos leads. Lembre-se que o público busca identificação além da relevância da marca.

O QUE É INBOUND MARKETING?

O Inbound Marketing é um conjunto de estratégias que visa ajudar os leads a encontrarem o seu e-commerce em diferentes estágios do funil de venda, e assim influenciar na decisão de compra.
Diferentemente da publicidade tradicional, o inbound possui quatro etapas: atração, conversão, venda e encantamento, priorizando ações mais “passivas” de propaganda e atração.
Ao serem colocadas em prática de modo eficiente, as estratégias fazem com que o lead encontre a sua empresa e voluntariamente passe a interagir com ela.
Para conseguir atrair os clientes, as marcas podem utilizar técnicas de SEO (Search Engine Optimization), marketing de conteúdo, blog posts, entre outros métodos que podem ajudar empresas de diversos segmentos e atuações, como por exemplo o reconhecimento de fábricas de sacolas plasticas alça boca de palhaço e outros empreendimentos em diferentes áreas.
Algumas dicas de Inbound Marketing que podem ajudar no e-commerce são:

1- Faça pesquisa sobre os concorrentes

Ao pensar em incorporar o inbound marketing em uma loja virtual, é essencial pesquisar informações sobre a concorrência de modo a avaliar as forças e fraquezas do próprio negócio, bem como a forma de se posicionar e se destacar no mercado.
Para isso, é possível avaliar aspectos como:

  • Quais são as estratégias utilizadas?
  • Quais são as principais palavras-chave usadas?
  • Qual a linguagem adotada para se comunicar com o público?
  • Quais diferenciais são oferecidos?

Essas informações ajudam a pensar estratégias criativas para a campanha, possibilitando conseguir resultados interessantes e se comunicar de forma mais adequada com a audiência.

2- Crie um blog e desenvolva conteúdos

O conteúdo é a chave do inbound marketing, pois com ele a marca pode se tornar:

  • Ser uma referência no mercado;
  • Se aproximar da audiência;
  • Entregar conteúdos com soluções para os usuários;
  • Aumentar a relevância nos resultados de busca do Google;
  • Ampliar e melhorar a percepção da marca.

Estes são alguns pontos positivos que o e-commerce pode ter com a produção de conteúdo. Sendo assim, dedicar tempo e ter colaboradores qualificados para a tarefa é o jeito de conseguir resultados interessantes, desenvolvendo materiais ricos e que realmente engajem com o público.
Um detalhe sobre o desenvolvimento de conteúdo é que se trata de uma estratégia que pode ser utilizada por diferentes áreas que tenham sites, por exemplo uma empresa terceirizada de serviços gerais, ela consegue atrair clientes por meio de conteúdos bem escritos que tiram a dúvida do leitor e ensinam mais sobre o serviço.

3- Tenha uma boa landing page

Materiais e conteúdos interessantes são importantes, mas de nada adiantam se não converterem os usuários em leads.
Os empreendedores têm o desafio de direcionar os interessados pela marca para uma landing page eficiente e que ajude a obter os contatos das pessoas.
O foco das landing pages é a conversão dos leads. Para ter resultados positivos e mais pessoas interessadas por uma assistencia tecnica aquecedor a gas, por exemplo, é necessário:

  • Criar uma CTA (Call to Action), ou chamada de ação, eficiente;
  • Ter títulos simples e objetivos;
  • Evitar excessos de informações nas páginas;
  • Aproveitar bem os espaços disponíveis no layout;
  • Testar diferentes versões da landing page para ver qual agrada mais o público;
  • Oferecer algo de valor ao lead em troca dos dados.

Estas são algumas dicas práticas que podem ajudar na criação da página que promova a conversão e traga segurança, principalmente para melhorar as vendas de produtos ou serviços no e-commerce.

4- Invista na personalização

Personalização é outro ponto importante do inbound marketing que você pode utilizar a seu favor para aumentar as vendas e acessos da sua loja virtual.
As experiências personalizadas podem ser feitas conforme os dados e preferências dos usuários.
Um exemplo interessante é utilizar a localização das pessoas para oferecer produtos e serviços conforme as necessidades.
Uma pessoa que quer ter uma sua casa, por exemplo, nas condições que sempre sonhou, precisa recorrer a pesquisa de uma empresa que faça uma piscina de alvenaria preço, e para isso o inbound pode converter tais pessoas de forma orgânica e assertiva.
Portanto, utilizar o marketing digital e o inbound marketing para criar estratégias focadas para o e-commerce, de modo a evidenciá-lo no mercado, são formas de fortalecer a imagem do seu negócio, aumentar a base de clientes, ampliar as vendas e ter sucesso no segmento.
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Veja também

Imagem do post

6 dicas para criar um site responsivo

Nos dias de hoje, quem vive longe da internet? A web transformou nosso jeito de pensar, agir e, principalmente, comprar.

Ler mais16/01/2020
Imagem do post

6 ferramentas de CRM que trazem resultados!

A automação digital tem sido empregada de maneira ampla nas empresas, tanto que ferramentas como o sistema CRM, são cada vez mais aplicados para melhorar a interação entre a marca e o consumidor final.

Ler mais28/04/2022
Background contato

Envie seu Curriculo


Envie seu Curriculo

Selecione...
arrow
Background contato